A Importância Do Delivery Em Tempos De Coronavírus
A Importância Do Delivery Em Tempos De Coronavírus
27 de março de 2020
O futuro do self-service no mundo pós pandemia
O futuro do self-service no mundo pós pandemia
29 de julho de 2020

Mercado Novo de BH: Dicas preciosas

Mercado Novo de BH Dicas preciosas

Mercado Novo de BH Dicas preciosas

Mercado Novo de BH: Dicas preciosas

O Mercado Novo de BH foi fundado em 1960, ou seja, de novo só tem o nome. Após décadas assistindo o vizinho Mercado Central conquistar o Brasil e atrair turistas de várias partes do mundo, o Mercado Novo iniciou em 2018 um processo de revitalização que o transformou num dos principais points culturais e gastronômicos do Brasil. Energia solar fotovoltaica em BH
A proposta do Mercado Novo busca preservar as raízes mineiras e prezar pela sustentabilidade. Os pioneiros foram a Distribuidora Goitacazes e a Cozinha Tupis. Atualmente são dezenas de empreendimentos que vão deste cervejarias, cachaçaria, charcutaria, ginteria, bar de vinhos, bar de rum, bar de licores, restaurantes de comida mineira, pastelaria, bares com os deliciosos petiscos mineiros, dentre outros.

O movimento cresce às quintas-feiras e ferve aos finais de semana. No Mercado Novo não há cadeiras, garçons, mesas ou ambientes climatizados, tudo é bem rústico e não há indícios que isto vá mudar tão cedo pois esta é a proposta deste empreendimento.

O Jetiboca é o paraíso para quem adora cafés especiais. Sugiro pedir um café coado acompanhado de broa de milho quentinha e um pedaço de queijo. O ambiente que nos remete a um misto de armazém de cafés com cafeteria é repleto de sacas de café e o aroma seduz quem passa pelos corredores do Mercado Novo. Para quem não curte café mas gosta de chás o Biboca é o seu lugar. Ambiente super aconchegante com uma pegada vintage.

Para apreciadores de uma boa cachaça sugiro visitar a Cachaçaria Lamparina, uma referência nacional em coquetéis com cachaças mineiras de raiz, adquiridas de pequenos e tradicionais produtores. A sensação é de uma viagem no tempo que nos remete aos antigos bares do interior de Minas, conhecidos como vendas, com ambiente retrô e atendimento primoroso. Se estiver tenso peça o drink calma nervo que a tensão passa.

A Cozinha Tupis e o Viela (Distribuidora Goitacazes) também conservam a mineiridade nas cervejas artesanais e nos pratos de comer rezando. Na Cozinha Tupis os clientes acompanham o preparo dos pratos e no Viela sempre tem novidades nas brejas artesanais.

Aos amantes do gin, como eu, sugiro ir ao Herbário YVY. A Destilaria YVY é uma das mais premiadas do Brasil e o Gin Territórios Cerrado é o melhor Gin Contemporâneo do Brasil segundo o renomado concurso World Gin Awards 2020. O Gin YVY Mar foi considerado melhor London Dry em 2019. Os deliciosos drinks criados por Thiago Cecotti são servidos no sistema on tap para atender a elevada demanda.

O terceiro piso está pronto para receber em 2020 arquitetos, artistas plásticos, designers de interiores e antiquários, oficinas de pintura, cursos de harmonização de cervejas segundo Antônio Gabriel, Superintendente do Mercado Novo.

A trilha sonora do Mercado Novo é recheada de clássicos da MPB. Não há funk, nem sertanejo universitário, nem pagode. O espaço reúne todas as tribos numa vibe incrível. O banheiro é unissex. O ambiente é pet friendly ao contrário do Mercado Central que comercializa animais e está na contramão da proposta de sustentabilidade do Mercado Novo.

Atualmente, para evitar acidentes entre carros e pedestres que dividiam a mesma passagem, a administração do Mercado mudou a entrada dos carros para Av. Olegário Maciel. Se for de Uber ou o Táxi você pode pedir para te deixarem no estacionamento em frente aos bares.

Com a inauguração prevista de vários novos estabelecimentos de gastronomia, bebidas, espaços para eventos artísticos, dentre outros, o Mercado Novo tem tudo para tornar-se um ponto turístico de projeção nacional. Vida longa ao revitalizado Mercado Novo!


Ajuda? Chat via WhatsApp